13/02/2017

ENTREVISTA: "ENCONTRAMOS O MUNICÍPIO EM UMA SITUAÇÃO MUITO DIFÍCIL", DIZ JUNINHO ALVES



Na tarde do último sábado (11), o blog conseguiu uma entrevista exclusiva com o atual prefeito do município de Caraúbas/RN, Juninho Alves (PSD). Na ocasião o gestor respondeu a várias indagações dos mais variados temas.

Confira na íntegra a entrevista:

Blog - O que mais o motivou e levou você a sair candidato?

Juninho - O que mais me motivou e levou a ser candidato a prefeito de Caraúbas, foi a gente andar na cidade e sentir o povo querendo mudança. E também muitas vezes quando eu chegava a alguns cantos e o pessoal nos incentivava a sair candidato, pedindo para que a gente fosse candidato. Além disso, tem o fato da gente querer ajudar nosso município, pois nós sabemos as dificuldades que nosso país, nosso estado e nosso município se encontram. Mas o que me motivou mesmo foi nós sentirmos do povo a vontade de votar em nosso nome, pois minha candidatura, não foi uma candidatura imposta, e sim uma candidatura discutida com o povo da zona urbana e zona rural do município e quem escolheu nosso nome foi o povo.

Blog - Durante o pleito, qual fator contribuiu para que você obtivesse êxito no projeto?

Juninho: Eu acho que foi a gente trabalhar com transparência, nossa campanha não foi uma campanha imposta, a gente já vinha discutindo há muito tempo com a sociedade, e eu acho que a própria sociedade caraubense queria mudança, pois não aguentava mais o que vinha acontecendo em nosso município, e eu acho que isso foi fundamental. Além de termos um grupo de pessoas que acreditou em nossa candidatura e foi pra rua. Então eu acredito que isso foi o fundamental para o êxito da campanha.

Blog - Após a eleição, comenta-se que a coligação que concorreu junto com a sua na campanha teria entrado com alguns processos eleitorais, visando sua cassação. Isso procede? Se sim, isso o preocupa?

Juninho - Nessa parte eu sou tranquilo. Toda campanha acontece isso. Quando perde, ai a candidatura oposicionista vai para justiça procurar algumas coisas, que na minha visão não existiu. Porque eles estão falando de prestação de contas, e eu sou bem confiante na nossa equipe de contabilidade e na nossa equipe jurídica, que também é muito boa. Nessa parte eu sou tranquilo, pois sei que nossa prestação de contas foi regular e muito bem feita, dentro da lei.

Blog - Como se deu o processo de transição e como você encontrou o município?

Juninho - A transição já começou com muita dificuldade, até porque nós não tínhamos as informações necessárias. Sempre nossa equipe procurava, e teve algumas demoras que essas informações não chegaram e isso atrapalhou bastante. Além disso, encontramos nosso município em uma situação muito difícil, chegamos à prefeitura, os computadores estavam sem HD, internet contada, sem informação das contas, sem senhas e com isso nos tivemos um pouco de dificuldade no início, porque quando você assume sem informação de nada, é muito ruim pra quem está assumindo. E no tocante de como a gente pegou o município, em todos os setores nós encontramos dificuldades. Para se ter uma ideia, somente no mês de janeiro, de dívida de INSS de novembro do ano passado e de precatórios, pagamos R$ 500 mil reais e, com isso, nossa primeira cota do FPM dia 10 de janeiro foi zerada. Ai veio COSERN que foi pago mais de R$ 50 mil reais de papeis que ficaram pra gente pagar, questão de conta de água, do Seguro Safra, que até esses dias teve matérias dizendo que Caraúbas estava de fora. Caraúbas não está de fora. Aconteceu que a gestão tinha um prazo até dia 31 de dezembro para pagar e não pagou, e o Seguro Safra teria que ser pago até dia 31 de dezembro para os agricultores receberem no mês de fevereiro, ai disseram que os agricultores não iam receber, mas eles vão receber, porque a gente pagou no mês de janeiro e os agricultores vão receber em março. E essa foi mais uma dívida que nós pagamos e que ficou de herança. Mas aos poucos estamos ajeitando o município, estamos fazendo contenção de gastos, onde nos primeiros seis meses não terá gratificações, a questão de diárias nós estamos sendo bem rígidos, dentre outros ajustes. O governo tem que ter transparência e zelo pelo público, e é isso que estamos fazendo. Tendo cuidado com a administração e tendo transparência. E se formos para parte da saúde, de oito cadeiras odontológicas existentes nas UBS, seis estavam sem funcionar, o município sem nenhum medicamento, e a secretaria de saúde abandonada. A creche que disseram que se inaugurou no final de dezembro, nos fomos fazer a visita e o construtor disse ao grupo que foi ver a creche, que ainda precisa de no mínimo 100 dias para concluir a obra. A creche não está pronta. Ai teve o campo de futebol que entregaram, a gente chegou lá, e estava sem caixa d'água, sem motor, sem energia, ou seja,  umas inaugurações que existiram na prática, mas quando vamos atrás, as coisas estão por terminar. As estradas do município, a população toda reclamando e que devagarzinho nós estamos recuperando. Na parte da educação, nós visitamos muitos colégios em nosso município e vários estão com parte hidráulica sem funcionar, parte elétrica faltando algumas coisas, e nós vamos agora a partir de março, quando começar as aulas, dar o fardamento escolar, o material didático e uma merenda de qualidade.

Blog - Comenta-se pela cidade que você estaria financiando membros da mídia para atacar seus opositores. O que você tem a dizer sobre isso?

Juninho - Eu acho que é mais fácil ser o contrário. Pode ser o outro lado que está fazendo isso, eu não trabalho com essa maneira de pagar blog para denegrir a imagem de ninguém não. Até porque em Caraúbas todo mundo conhece todo mundo e eu jamais faria algo assim.

Blog - Qual seria a avaliação de seus primeiros 40 dias à frente da Prefeitura?

Juninho - A avaliação é muito positiva nesses primeiros 40 dias. Mesmo com todas as dificuldades que enfrentamos, nós já fizemos bastante coisa. Conseguimos, através de parcerias, fazer onze noites de festas gratuitas na praça. Na saúde hoje, os PSF estão quase todos funcionando, além de termos contratado especialistas, nas áreas de ortopedia, psiquiatria, cardiologia e ginecologia para atender nossa população e cumprir mais um compromisso de campanha. Além disso, nesses próximos dias vamos contratar um pediatra, e mais outras especialidades para nosso município. Estamos trazendo também cursos profissionalizantes para o nosso povo. Vamos treinar e capacitar nossa população, para quando chegar os empregos a população esteja capacitada. E, para isso, estamos fazendo parcerias com o SEBRAE, SENAI, SENAC para começar a treinar a população. Inclusive, quando estivemos em Brasília no gabinete do senador José Agripino, ele mesmo ligou para o empresário Flávio Rocha, marcando uma audiência conosco, já agora em fevereiro, quando ele vai está em Natal, e nos vamos lá, conversar com ele e tentar trazer a questão das facções (facções são indústrias de confecções e vestuário que fazem seus serviços exclusivamente para outras empresas de confecções) para nosso município, e com isso gerar emprego.

Blog - Qual será a prioridade do governo Juninho Alves?

Juninho - Educação. A educação é a base de tudo e nós temos um compromisso de melhorar a educação de nosso município, e vamos investir o que for preciso. E dentro dessa prioridade, vamos investir em material escolar e didático gratuito, capacitar os professores, e cada professor ensinando em área em que se formou. Educação é o fundamental, mas também vamos olhar muito para saúde, segurança, saneamento básico e a pavimentação que muito nos foi cobrado na campanha.                      
Blog - Recentemente você esteve em Brasília/DF onde se encontrou com diversos políticos, nesses encontros o que ficou acertado de benefício para Caraúbas?

Juninho - As visitas foram bastante proveitosas. Nós visitamos o gabinete deputado Beto Rosado, e ele se comprometeu de colocar uma emenda de R$ 1 milhão para pavimentação, visitamos o deputado Antônio Jácome, que se prontificou em enviar uma emenda de R$ 300 mil para pavimentação, R$ 150 mil para saúde e R$ 250 mil para turismo. Estivemos também no gabinete dos senadores José Agripino e Fátima Bezerra, que se comprometeram em ver o valor e área que vão enviar suas emendas para Caraúbas. Além disso, ainda vistamos o Ministério da Educação, Ministério do Turismo que, independente dos deputados, cada ministério tem suas verbas. Foi uma viagem boa e de bons frutos para o município.  
                 
Blog - Considerações finais.

Juninho – Primeiramente, queria agradecer ao blog Caraúbas News. Um blog novo, que vem trabalhando de forma correta, que venho sempre acessando e que vejo que não tem cor partidária, sempre fazendo o trabalho correto independente de política. E você vem sempre fazendo seu papel de mostrar de fato o que vem acontecendo no município. Gostaria além de agradecer, dizer que nosso governo vai ser o governo da transparência. Vamos trabalhar sempre com transparência, mostrando a realidade de nosso município e com zelo pelo dinheiro público, fazendo uma administração conversando com o povo. Vamos voltar para as ruas, para a zona rural e conversar com o povo sobre os problemas de cada localidade, e o principal, que é buscar a ajuda da população para fazermos um governo diferente.

Atendimento a população

Juninho - A partir de março eu vou atender a população duas vezes na semana. Ainda não começamos a atender pelas dificuldades que encontramos no município, mas a partir de março quando a gente vai estar com o município mais organizado, vamos começar a escutar e atender o povo.

Transporte universitário gratuito

Juninho - Outro compromisso que nós tivemos e que não deu para cumprir 100% ainda, foi a questão do transporte universitário. Mas a gente conversou com os estudantes mostrando a realidade do município e todos aceitaram, inclusive elogiando nossa postura de chama-los para discutir o problema. E foi um encontro que eu acho que todos saíram satisfeitos. De imediato nós vamos contribuir com 50% do valor das despesas que eles têm com os ônibus. A ajuda será em forma de bolsa para os alunos, onde os alunos todos os meses vão receber, e com ela, pagar o transporte escolar. De início o município está entrando com 50%, mas a partir de junho vamos voltar a conversar com os estudantes, e se der para subir para 60%, 70% nós vamos aumentar. Mas no momento precisamos ser bem transparentes e dizer se pode fazer. Não adianta eu assumir 100%, pra depois chegar e dizer para os alunos que eu não posso. E se Deus quiser melhorando as receitas do município nos vamos cumprir os 100%.

0 comentários:

Postar um comentário

QUEM SOU EU

QUEM SOU EU

Leysson Gurgel Carlos

Bacharel em Ciências Sociais pela UERN. Ex-integrante do blog Caraúbashonews e também ex-assessor de comunicação da Prefeitura de Caraúbas.

CaraúbasNews

O blog irá sempre ser pautado na ética, no comprometimento e na imparcialidade, buscando sempre trazer notícias com rapidez, dinamismo e credibilidade para leitor.

Contatos

Email: leyssongc@gmail.com
Facebook: @CaraúbasNews
Twitter: @leyssoncarlos

Copyright © Caraúbas News