22/09/2018

IBOPE: FÁTIMA LIDERA ISOLADA COM 39% DAS INTENÇÕES DE VOTO PARA O GOVERNO DO RN


Pesquisa Ibope divulgada nesta sexta-feira (21) aponta os seguintes percentuais de intenção de voto para o governo do Rio Grande do Norte:

Fátima Bezerra (PT): 39%
Carlos Eduardo (PDT): 25%
Robinson Faria (PSD): 13%
Brenno Queiroga (solidariedade): 3%
Professor Carlos Alberto (PSOL): 2%
Freitas Jr. (Rede): 1%
Dário Barbosa (PSTU): 1%
Heró Bezerra (PRTB): 1%
Brancos/nulos: 11%
Não sabe ou não respondeu: 5%

A pesquisa foi encomendada pela Inter TV Costa Branca. É o segundo levantamento do Ibope realizado depois da oficialização das candidaturas na Justiça Eleitoral.

No levantamento anterior, feito de 14 a 16 de agosto, os percentuais de intenção de votos eram os seguintes: Fátima Bezerra, 34%; Carlos Eduardo, 15%; Robinson Faria, 8%; Brenno Queiroga, 1%; Professor Carlos Alberto, 2%; brancos ou nulos; 31%; não sabe ou não respondeu, 9%. Freitas Jr, Dario Barbosa e Heró Bezerra não pontuaram na primeira pesquisa.

Sobre a pesquisa

Margem de erro: 3 pontos percentuais para mais ou para menos
Quem foi ouvido: 812 eleitores de todas as regiões do estado, com 16 anos ou mais
Quando a pesquisa foi feita: 18 a 20 de setembro
Registro no TRE: RN-08720/2018
Registro no TSE: BR‐0811/2018
O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro
0% significa que o candidato não atingiu 1%. Traço significa que o candidato não foi citado por nenhum entrevistado.

G1

21/09/2018

DESEMPREGO DERRUBA ARRECADAÇÃO DA PREVIDÊNCIA EM R$ 15 BILHÕES



A arrecadação líquida do Regime Geral de Previdência Social (RGPS), que envolve os trabalhadores da iniciativa privada, caiu R$ 1,95 bilhão no bimestre encerrado em agosto. 

A informação foi confirmada hoje (21) durante a apresentação do Relatório de Receitas e Despesas do governo federal. No acumulado do ano, segundo o secretário do Tesouro Nacional, Mansueto Almeida, a frustração de receitas para o setor está em cerca de R$ 15 bilhões. 

BRASIL REGISTRA CRIAÇÃO DE 110 MIL NOVAS VAGAS DE EMPREGO EM AGOSTO



Puxado pelo setor de Serviços, o emprego formal registrou crescimento de 0,29% em agosto, fechando o mês com um saldo positivo de 110,4 mil novas vagas. De acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado hoje (21) pelo Ministério do Trabalho, houve no mês passado pouco mais de 1,353 milhão de admissões, contra 1,243 milhão de desligamentos.

Este é o oitavo mês consecutivo em que o número de novos contratos de trabalho supera as demissões. Segundo o ministério do Trabalho, o mercado formal tem apresentado resultados positivos no acumulado do ano e nos últimos doze meses. De janeiro a agosto, houve acréscimo de aproximadamente 568 mil vagas. Já na série histórica desde setembro do ano passado, o saldo positivo é de 357 mil postos de trabalho.

TOFFOLI ASSUMIRÁ A PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA NO LUGAR DE TEMER



Doze dias depois de assumir o comando do Supremo Tribunal Federal (STF) , o ministro Dias Toffoli substituirá o presidente Michel Temer na Presidência da República. Temer viaja no domingo (23) para Nova York (EUA), quando participará da cerimônia de abertura da 73ª Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU).

Será a primeira vez que Toffoli assumirá o Palácio do Planalto. Como o cargo de vice-presidente está vago, a primeira pessoa da linha sucessória no país é o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e a segunda, o do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE).

20/09/2018

RN ULTRAPASSA A SANGRENTA MARCA DE 1.500 HOMICÍDIOS EM 2018



De acordo com o Observatório da Violência do Rio Grande do Norte (OBVIO), em parceria com o Ministério Público (MPRN), nesta quinta-feira (20), o Estado ultrapassou a sangrenta marca de 1.500 Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs).

Ao todo, 1.502 pessoas foram mortas desde o dia 1° de janeiro. O número mesmo alarmante, ainda registra que 301 vidas foram poupadas com relação ao mesmo período de 2017.

Confira os dados:



OCDE REDUZ PARA 1,2% PREVISÃO DE CRESCIMENTO DA ECONOMIA BRASILEIRA


A Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE) revisou para baixo suas projeções para o crescimento do Brasil, segundo relatório divulgado hoje (20). A entidade prevê agora que o país crescerá 1,2% em 2018, com redução de 0,8 ponto percentual em relação a maio, quando previa expansão de 2%.

Para 2019, a estimativa para o crescimento da economia (Produto Interno Bruto) caiu de 2,8% para 2,5%.

CARAÚBAS RECEBEU POUCO MAIS DE R$ 100 MIL REFERENTE A 2ª PARCELA DO FPM DE SETEMBRO



Nesta quinta-feira (20), o município de Caraúbas recebeu a quantia de R$ 101.823,71 (cento e mil, oitocentos e vinte e três reais e setenta e um centavos), oriundos da segunda parcela do FPM (Fundo de Participação dos Municípios) do mês de setembro.

Do montante, R$ 15.273,54 (15%) foram destinados para a saúde, enquanto que R$ 20.364,73 (20%) foram destinados para a educação e R$ 1.018,23 foram para a retenção do PASEP. Restando para ser investido em outras áreas do município o total de R$ 65.167,21.

CANDIDATO A GOVERNADOR, FREITAS JÚNIOR ESTARÁ EM CARAÚBAS NESTA SEXTA-FEIRA



De acordo com informações repassadas ao blog, o candidato ao governo do Rio Grande do Norte, Freitas Júnior (Rede), estará em Caraúbas nesta sexta-feira (21).

O postulante deverá chegar em Caraúbas por volta das 11h30min, conversará com apoiadores e deverá cumprir outras atividades no município. 

MARINA DIZ QUE VETARIA LEGALIZAÇÃO DO ABORTO CASO O TEMA FOSSE APROVADO PELO CONGRESSO


A candidata da Rede à Presidência da República, Marina Silva, disse nesta quarta-feira (19) que vetaria a legalização do aborto caso o tema fosse aprovado pelo Congresso. Ela foi questionada sobre o assunto em uma entrevista organizada pela revista "Veja".

Hoje, o aborto não é considerado crime em três hipóteses: se a gravidez for ocasionada por estupro; se o feto for anencéfalo; se houver risco à vida da mãe.

Marina disse que, para aumentar as possibilidades de legalização, deveria ser feito uma consulta à população por meio de um plebiscito.

"Se o Congresso decidir [legalizar o aborto], eu vetaria", disse a candidata, após ser questionada pela entrevistadora se vetaria uma eventual legalização do aborto aprovada por parlamentares.

"Se for para ampliar para além disso [as hipóteses de aborto legal], que seja por um plebiscito. Que 513 deputados e 81 senadores não substituam 200 milhões de brasileros", disse Marina.

G1

19/09/2018

QUASE 35% DAS CIDADES TIVERAM PROBLEMAS COM DOENÇAS LIGADAS AO PRECÁRIO OU INEXISTENTE SISTEMA DE SANEAMENTO


Em 2017, 34,7% dos 5.570 municípios brasileiros relataram casos de endemia ou de epidemia de doenças relacionadas a condições deficientes de saneamento básico.

A dengue foi a doença mais citada, com registro em 1.501 cidades, ou 26,9% do total, seguida da diarreia, com 23,1%. Em terceiro lugar, aparecem as verminoses e a chikungunya, com registro em 17,2% municípios cada, e depois zika, citada por 14,6% das prefeituras. Os dados estão na Pesquisa de Informações Básicas Municipais (Munic) 2017, divulgados hoje (19) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Os dados foram levantados de abril a setembro do ano passado e se referem aos 12 meses anteriores à data que o município respondeu ao questionário. A Munic investiga aspectos gerais da gestão pública municipal e quem responde a pesquisa é a prefeitura.

A proporção de municípios que declararam ter sofrido endemias ou epidemias de dengue, zika e chikungunya foi maior nas regiões Nordeste e Norte. No Norte do país, 38,9% dos municípios tiveram casos de dengue, 19,8% de zika e 20,2% de chikungunya. No Nordeste, os índices são de 43,2% com epidemia ou endemia de dengue, 29,6% de zika e 37,3% de chikungunya. A Região Sul tem os menores índices, com 6% das cidades registrando dengue, 1,7% zika e 1,8% chikungunya.

Já a febre amarela teve mais ocorrência no Sudeste, em 5,1% dos municípios da região. Em todo o país, a febre amarela ocorreu em 2,9% dos municípios em 2017.

As endemias são caracterizadas como doenças que aparecem constantemente em determinado local, enquanto as epidemias acometem um grande número de pessoas de uma região em curto espaço de tempo. Dengue, zika e chikungunya são transmitidas pela picada do mosquito Aedes aegypti, que se reproduz em água parada. Já as verminoses e a diarreia têm causas diversas, mas também estão associadas à ingestão ou contato com água e alimentos contaminados.

Agência Brasil

POBREZA EXTREMA ATINGE O MENOR NÍVEL DA HISTÓRIA, DIZ BANCO MUNDIAL


O Banco Mundial informou nesta quarta-feira (19) que o número de pessoas que vive em extrema pobreza, com menos de US$ 1,9 por dia (cerca de R$ 8) caiu de 804 milhões em 2013 para 736 milhões em 2015, o que equivale ainda a 10% da população mundial. 

De acordo com o Banco Mundial, nos últimos 25 anos mais de 1 bilhão de pessoas saíram da extrema pobreza.

PREÇO DO GÁS INDUSTRIAL SERÁ REAJUSTADO EM 5%


A Petrobras vai reajustar em 5% o Gás Liquefeito de Petróleo (GLP) industrial e comercial às distribuidoras, a partir de amanhã (20). O Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras de Gás Liquefeito de Petróleo (Sindigás) informou que suas empresas associadas foram comunicadas pela Petrobras na tarde de hoje (19) sobre o novo reajuste de preço do GLP empresarial (para embalagens acima de 13 kg). 

O aumento de preço será entre 4,8% e 5,2%, dependendo do polo de suprimento, válido a partir de zero hora de amanhã (20), nas unidades da petroleira.

18/09/2018

IBOPE: BOLSONARO SOBE, CHEGA AOS 28% E LIDERA CORRIDA PRESIDENCIAL



O Ibope divulgou nesta terça-feira (18) o resultado da mais recente pesquisa de intenção de voto na eleição presidencial. A pesquisa ouviu 2.506 eleitores entre domingo (16) e terça-feira (18).

O nível de confiança da pesquisa é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem a realidade, considerando a margem de erro, que é de 2 pontos, para mais ou para menos.

Os resultados foram os seguintes:

Jair Bolsonaro (PSL): 28%
Fernando Haddad (PT): 19%
Ciro Gomes (PDT): 11%
Geraldo Alckmin (PSDB): 7%
Marina Silva (Rede): 6%
Alvaro Dias (Podemos): 2%
João Amoêdo (Novo): 2%
Henrique Meirelles (MDB): 2%
Cabo Daciolo (Patriota): 1%
Vera Lúcia (PSTU): 0%
Guilherme Boulos (PSOL): 0%
João Goulart Filho (PPL): 0%
Eymael (DC): 0%
Branco/nulos: 14%
Não sabe/não respondeu: 7%

G1

APOLION RODRIGUES COMEMOROU OS 16 ANOS DA SUA COLUNA SOCIAL "CARAÚBAS ACONTECE"


Na noite do último domingo (16), o colunista social Apolion Rodrigues, festejou jundo com amigos e convidados os 16 anos de sua coluna social "Caraúbas Acontece", no jornal "O Mossoroensse.

O evento foi realizado nas dependências do espaço "Maria Júlia" e contou com uma grande participação de autoridades, amigos e familiares. 

CUBA E VENEZUELA DEVEM US$ 1 BILHÃO AO BNDES


O presidente do BNDES, Dyogo Oliveira, afirmou nesta terça-feira (18) que foi um erro o banco ter concedido empréstimos a Cuba e à Venezuela no passado, pois hoje está claro que esses países não tinham condições de honrar seus compromissos.

O saldo devedor dos empréstimos somam cerca de US$ 1 bilhão, e os dois países estão com prestações em atraso, segundo Oliveira.

“Há uma crítica a esses empréstimos e até diria que, olhando hoje, que fica claro que eles não tinham condição de pagar. Provavelmente não deveriam ter sido feitos e agora temos que ir atrás do dinheiro para receber“, declarou Oliveira a jornalistas, após participar de evento no Rio nesta terça-feira.

Nesta semana, Dyogo Oliveira teve reuniões com representantes do governo cubano para tratar do tema. Segundo ele, Cuba tem três parcelas em aberto com o BNDES que juntas somam US$ 17,5 milhões. O saldo devedor cubano é de aproximadamente US$ 600 milhões.

O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social frisou que a solução para a volta da adimplência de Cuba não passa obrigatoriamente pela reestruturação da dívida.

“Eles tem se mostrado solícitos e adeptos a buscar soluções, mas alegam que por conta de questões climáticas e financeiras não têm tido capacidade de honrar totalmente os pagamentos, eles têm feito são pagamentos parciais”, disse ele a jornalistas em evento da Associação Brasileira da Indústria de Química Final (Abifina). “Discutimos alternativas que ainda não podemos revelar”, adicionou

A carteira de exportação do BNDES totaliza aproximadamente US$ 10 bilhões e a inadimplência Cuba e Venezuela não preocupa para os resultado do banco, frisou Dyogo Oliveira.

“O volume disso em relação a carteira do banco é pequeno e não é preocupante”, destacou.

G1

TSE DEFINE URNA ELETRÔNICA E CONFIRMA 13 CANDIDATOS À PRESIDÊNCIA


O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) fechou hoje (17) o sistema de registro de candidaturas à presidência da República que será inserido nas urnas eletrônicas para a votação no primeiro turno das eleições, que será realizado no dia 7 de outubro. 

Com a medida, ficam confirmados os nomes de 13 candidatos à presidência da República e seus respectivos vices que tiveram os registros aceitos pelo tribunal.

17/09/2018

4° TERÇO DA JUVENTUDE SERÁ REALIZADO NO PRÓXIMO SÁBADO EM CARAÚBAS


No próximo sábado (22), será realizado nas dependências da Igreja Matriz de São Sebastião, em Caraúbas, a quarta edição o Terço da Juventude da paróquia. 

Na ocasião, o terço terá início às 17h30min com a acolhia, sendo realizado posteriormente adoração ao santíssimo e por fim o santo terço.

OPERAÇÃO LEI SECA FISCALIZOU 1.059 MOTORISTAS DURANTE A ÚLTIMA SEMANA EM NATAL


A Coordenação da Operação Lei Seca do Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) divulgou nesta segunda-feira (17) o balanço das operações realizadas no decorrer da última semana. Os dados mostram que foram efetivados 1.059 testes de etilômetro em três operações desenvolvidas na capital potiguar, resultando na lavratura de 118 autos de infração, sendo 91 por infração a Lei Seca.

As ações de fiscalização ainda flagraram quatro veículos circulando nas ruas em situação irregular. Os policiais retiveram os automóveis, que foram levados para o pátio do Detran onde são acondicionados os veículos apreendidos por estarem em desacordo com a legislação.




MARINA DIZ QUE PT, PMDB E PSDB TIVERAM UMA CHANCE, MAS TROCARAM UM PROJETO DE PAÍS POR PROJETO DE PODER


A candidata a Presidente da República pela Rede, Marina Silva, aproveitou a agenda de campanha desta segunda-feira (17), em Aracaju, para disparar contra o PT, o PMDB e o PSDB.

De acordo com ela, os partidos políticos já mostraram que não foram capazes de tocar uma agenda de mudanças no país. “O PT, PMDB, PSDB tiveram uma chance e trocaram um projeto de país por projeto de poder”, disse.

Questionada sobre o arco de alianças que deverá fazer no Congresso Nacional para garantir condições de governabilidade, ela afirmou que fará um governo “dialogando com a população”. “Estou fazendo um estado por dia”, disse.

CAMPANHA NACIONAL CONTRA O SARAMPO E A PÓLIO ATINGE META


A Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo e a Poliomielite atingiu a meta de imunizar 95% do público-alvo estabelecida pelo governo federal. Enquanto a média geral de vacinação contra sarampo foi de 95,3%, a de poliomielite ficou em 95,4%. No total, 21,4 milhões de doses foram aplicadas, beneficiando 10,7 milhões de crianças. O balanço foi divulgado hoje (17) pelo Ministério da Saúde.

A campanha foi encerrada na sexta-feira (14), depois de ter sido prorrogada pela pasta. Alguns estados e municípios, no entanto, mantêm a vacinação.

Os números do ministério mostram variações da cobertura vacinal entre estados. Quinze deles atingiram a meta para as duas vacinas. Já São Paulo e Tocantins alcançaram o índice mínimo de 95% somente na vacinação contra pólio.

De acordo com o ministério, 1.180 municípios não alcançaram a meta estabelecida pelo governo e cerca de 516 mil crianças ainda não tomaram as vacinas contra as duas doenças. A única faixa etária que não chegou ao índice esperado foi o de crianças de 1 ano, cuja cobertura está em 88%. Na última terça-feira (11), a abrangência vacinal dessa faixa etária se encontrava em torno de 85%.

OMS ALERTA QUE MORTES POR CÂNCER DEVEM CHEGAR A 9,6 MILHÕES EM 2018



O número de mortes em razão de câncer deve chegar a 9,6 milhões neste ano em todo o mundo. Já o total de novos casos deve atingir 18,1 milhões. A estimativa é de um estudo é da Agência Internacional para a Pesquisa sobre Câncer (IARC, na sigla em inglês), órgão vinculado à Organização Mundial de Saúde (OMS).

Segundo a entidade, um em cada cinco homens e uma em cada seis mulheres devem desenvolver câncer em algum momento da vida. Já as mortes decorrentes da doença devem acometer um a cada oito homens e uma a cada onze mulheres.

Conforme as expectativas da associação, quase metade dos novos casos e mais da metade das mortes devem ocorrer na Ásia. O continente concentra cerca de 60% da população mundial. Já a Europa é responsável por 23% das novas ocorrências e 20% dos óbitos, embora contenha somente 9% da população mundial.

Pela projeção, as Américas devem ser responsáveis por 21% dos casos novos identificados e 14,4% da mortalidade global. Assim como na Europa, os índices são maiores do que a participação da região na população mundial, atualmente em 13,3%.

Agência Brasil

MAIS DE 716 MIL EMPRESAS PODEM SER EXCLUÍDAS DO SIMPLES NACIONAL


A Receita Federal informou hoje (17) que foram notificadas 716.948 microempresas e empresas de pequeno porte que podem ser excluídas do Regime Especial Unificado de Arrecadação Tributos e Contribuições (Simples Nacional) por motivo de inadimplência. Ao todo, as dívidas somam R$ 19,5 bilhões. O programa, em vigor desde 2007, permite que empresas com receita bruta anual de até R$ 4,8 milhões possam recolher um total de oito tributos municipais, estaduais e federais em uma única guia. O objetivo do Simples Nacional é desburocratizar o pagamento de impostos e incentivar os micro e pequenos empresários do país.

Segundo a Receita, entre os dias 10 e 12 de setembro foram disponibilizados, no Domicílio Tributário Eletrônico do Simples Nacional (DTE-SN), os Atos Declaratórios Executivos (ADE), que notificaram os optantes pelo Simples Nacional de seus débitos previdenciários e não previdenciários com a Secretaria da Receita Federal e com a Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN).

16/09/2018

TSE DIVULGA ARRECADAÇÃO DOS CANDIDATOS À PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA


O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou neste sábado (15) nova parcial da prestação de contas dos candidatos à Presidência da República.

Entre os candidatos, o com maior arrecadação, até o momento, foi Geraldo Alckmin (PSDB). O tucano levantou R$ 46,4 milhões. Do montante, R$ 46,26 milhões (97,8%) foram oriundos do Fundo Eleitoral. O financiamento coletivo do candidato representou 0,08% das verbas arrecadadas.

A segunda maior arrecadação foi a do candidato Henrique Meirelles (MDB), que declarou R$ 45 milhões em receitas até o momento. Todo o recurso veio de fontes próprias, ou seja, do próprio candidato.

A terceira maior declaração foi a do PT, cuja candidatura de Luiz Inácio Lula da Silva foi substituída por Fernando Haddad. Foram movimentados R$ 20,6 milhões em receitas. A quase totalidade, R$ 20 milhões (97,1%), veio do Fundo Eleitoral. Por meio de financiamento coletivo foram arrecadados R$ 598 mil.

Ciro Gomes (PDT) vem na quarta posição, com R$ 16,1 milhões recebidos, todo do Fundo Eleitoral.

Marina Silva arrecadou R$ 7,2 milhões. Da soma de verbas, R$ 6,1 milhões vieram de doações do Fundo Eleitoral; R$ 260 mil foram de financiamento coletivo e o restante de 21 doadores.

Álvaro Dias (Podemos) declarou ter recebido R$ 5,2 milhões. Deste total, R$ 3,2 milhões (62,5%) foram oriundos do Fundo Eleitoral e 37,9% de doações diversas. A iniciativa de financiamento coletivo do candidato representou apenas 0,63% do total.

Guilherme Boulos (PSOL) recebeu até agora R$ 5,99 milhões, sendo R$ 5,97 milhões provenientes do Fundo Eleitoral. O restante foi arrecadado por meio de financiamento coletivo.

João Amoêdo (Novo) recebeu até o momento R$, 2,6 milhões. Deste total, R$ 1,2 milhão foi recebido do Fundo Eleitoral; R$ 308 mil de financiamento coletivo e o restante de doadores.

José Maria Eymael (PSDC) levantou R$ 849 mil do Fundo Eleitoral.

Jair Bolsonaro (PSL) arrecadou R$ 688,7 mil. Desse total, quase a metade foi proveniente do Fundo Eleitoral (R$ 334,75 mil). Outra parcela de R$ 332,8 mil foi obtida por meio de financiamento coletivo.

Vera Lúcia (PSTU) declarou receitas no valor de R$ 401 mil, praticamente toda oriunda do Fundo Eleitoral. A candidatura levantou apenas R$ 1,8 mil por meio de financiamento coletivo. João Goulart Filho (PPL) levantou R$ 231,8 mil, sendo R$ 230 mil do Fundo Eleitoral e o restante R$ 1,8 mil de financiamento coletivo.

Agência Brasil

PRODUÇÃO DE PETRÓLEO NO RN TEVE QUEDA DE 55% NOS ÚLTIMOS 18 ANOS


A produção de petróleo em terras potiguares que já chegou a 90 mil barris por dia no início dos anos 2000 atingiu seu pior desempenho este ano.

No ano de 2000 produzimos aqui no estado quase 33 milhões de barris. Em 2008 a produção já vinha despencando e foram extraídos 23 milhões de barris já representando uma queda de 30% em relação a 2000.

No primeiro semestre de 2018 o que já era ruim ficou dramático, a produção diária foi de apenas 41 mil barris, representando uma queda de 16% em relação a 2017, de quase 40% em relação a 2008 e de impressionantes 55% ao início do século 21.

PORTARIA REGULAMENTA CONTRATAÇÃO DE PRESOS E EGRESSOS POR EMPRESAS VENCEDORAS DE LICITAÇÕES FEDERAIS


Foi publicada na última sexta-feira (14), no Diário Oficial da União, portaria que regulamenta a contratação de presos ou egressos por empresas contratadas pelo governo federal. A medida vale para vencedoras de licitações cujos contratos com o governo superem R$ 330 mil por ano. A portaria é assinada pelos ministros da Segurança Pública, Raul Jungmann, e dos Direitos Humanos, Gustavo Rocha.  

Pelas novas regras, quando a execução do contrato demandar 200 ou mais funcionários, o percentual de egressos ou presos contratados deverá ser de 3%. De 201 a 500, o percentual sobe para 4%; quando for entre 501 e 1 mil funcionários será de 5%; e quando for acima de 1 mil empregados, de 6%. Todo mês, a empresa deverá apresentar ao juízo de execução a relação nominal dos empregados, ou outro documento que comprove o cumprimento dos limites percentuais previstos.

O governo prevê ainda a futura criação do Banco Nacional de Egressos, um cadastro por meio do qual as empresas terão acesso ao perfil do preso ou do egresso, de forma a identificar aqueles com melhores condições para ocupar postos disponíveis.

GERAÇÃO DE ENERGIA EÓLICA CRESCEU 17,8% DE JANEIRO A JULHO



O Brasil aumentou a geração de energia eólica em 17,8% entre janeiro e julho deste ano, segundo boletim da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE). As usinas que utilizam os ventos como insumo para a produção de eletricidade somaram 4.470 megawatts (MW) médios entregues nos primeiros sete meses do ano, frente aos 3.793,9 MW médios gerados no mesmo período de 2017.

O documento informa que a representatividade eólica em relação a toda energia gerada no período pelas usinas do sistema alcançou 7% em 2018. Já a fonte hidráulica foi responsável por 74,5% do total e as usinas térmicas responderam por 18,1%.

Segundo a Câmara, atualmente 520 usinas eólicas estão em operação comercial no País. Até o final de julho, a capacidade instalada dessas usinas somou 13.240,10 MW. 

A Região Nordeste domina a produção de energia movida por ventos: dos dez maiores produtores, oito são da região. O Rio Grande do Norte tem a maior capacidade instalada, somando 3.592,25 MW. Em seguida, aparecem Bahia (2.907,64 MW), Ceará (2.249,06 MW), Rio Grande do Sul (1.777,87 MW) e Piauí (1.443,10 MW).

O Rio Grande do Norte é também o maior produtor de energia eólica no Brasil, com 1.244,8 MW médios de energia entregues nos primeiros sete meses de 2018. Na sequência, aparecem a Bahia com 1.094,8 MW médios produzidos, o Piauí com 576,9 MW médios, o Rio Grande do Sul com 569,9 MW médios, e o Ceará, com 553,4 MW médios.

ELEIÇÕES 2018 SERÃO AUXILIADAS POR MAIS DE 26 MIL MILITARES



Mais de 26 mil militares irão garantir a segurança das eleições de 2018, informa o Ministério da Defesa. Até agora, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) já permitiu a presença das Forças Armadas em 370 localidades de sete estados: Acre (11 localidades); Ceará (5); Maranhão (72); Mato Grosso do Sul (4); Piauí (112); Rio de Janeiro (69) e Rio Grande do Norte (97).

Além disso, as tropas irão ajudar na logística do pleito, por meio do transporte de funcionários e urnas, em cinco estados: Acre (41 localidades); Amazonas (25); Amapá (5); Mato Grosso do Sul (97) e Roraima (26). Quando desempenham auxílio logístico, os militares são sempre acompanhados por servidores da Justiça Eleitoral.

A presença dos militares tem como objetivo assegurar a normalidade da votação e da apuração dos resultados. A solicitação da presença é feita pelos tribunais regionais eleitorais e avaliada pelo TSE, que pode liberá-la até o dia das eleições. Posteriormente, a corte superior encaminha as liberações para o Ministério da Defesa.

QUEM SOU EU

QUEM SOU EU

Leysson Gurgel Carlos

Bacharel em Ciências Sociais pela UERN. Ex-integrante do blog Caraúbashonews e também ex-assessor de comunicação da Prefeitura de Caraúbas.

CaraúbasNews

O blog irá sempre ser pautado na ética, no comprometimento e na imparcialidade, buscando sempre trazer notícias com rapidez, dinamismo e credibilidade para leitor.

Contatos

Email: [email protected]
Facebook: @CaraúbasNews
Twitter: @leyssoncarlos

Copyright © Caraúbas News