20/09/2017

ARRECADAÇÃO DAS RECEITAS PATRIMONIAIS SOBE 11% ENTRE JANEIRO E AGOSTO


A arrecadação com receitas patrimôniais cresceu 11% entre janeiro e agosto deste ano na comparação com o mesmo período do ano passado. De acordo com o Ministério do Planejamento, os ganhos se referem a taxas de ocupação, foro, laudêmio, alienações e multas.

O montante soma R$ 466,7 milhões aos cofres da União. A previsão da pasta é de que o recolhimento se mantenha em ascensão até o final do ano com as mudanças proporcionadas pela lei 13.465.

A alienação de imóveis foi o que puxou o resultado positivo: R$ 40,6 milhões foram arrecadados nos oito primeiros meses deste ano contra R$ 8,9 milhões em 2016 nesse âmbito.

Já as taxas de ocupação e multas cresceram 14% no período, o que resultou na geração de R$ 160 milhões e R$ 18,5 milhões, respectivamente. As taxas de ocupação, devidas por quem ocupa imóvel de propriedade plena da União, são a maior fonte de receita da pasta, responsável por 34,29% de toda a arrecadação no período.

A taxa de foro, segunda maior fonte de receita, também apresentou crescimento no acumulado do ano até agosto: totalizou R$ 108,2 milhões com aumento de 2% sobre o ano passado e responde por 23,19% das receitas patrimoniais.

0 comentários:

Postar um comentário

QUEM SOU EU

QUEM SOU EU

Leysson Gurgel Carlos

Bacharel em Ciências Sociais pela UERN. Ex-integrante do blog Caraúbashonews e também ex-assessor de comunicação da Prefeitura de Caraúbas.

CaraúbasNews

O blog irá sempre ser pautado na ética, no comprometimento e na imparcialidade, buscando sempre trazer notícias com rapidez, dinamismo e credibilidade para leitor.

Contatos

Email: leyssongc@gmail.com
Facebook: @CaraúbasNews
Twitter: @leyssoncarlos

Copyright © Caraúbas News